Área restrita

Notícias

Prêmio Master premiará projetos diamante em 2010

Prêmio Master premiará projetos diamante em 2010

As inscrições para o Prêmio Master Imobiliário estão abertas até o próximo dia 7 de maio. Como em todas as 15 edições anteriores, projetos de todos os Estados brasileiros podem concorrer nas categorias Empreendimentos e Profissionais. O Master é coordenado pela Fiabci Brasil (Federação Internacional das Profissões Imobiliárias) juntamente com o Secovi-SP (Sindicato da Habitação).

Na categoria Empreendimentos, são esperados trabalhos voltados aos segmentos residencial, comercial, industrial, turístico-hoteleiro e outros, cujas edificações estejam totalmente concluídas. Na categoria Profissionais, podem concorrer projetos vinculados à indústria imobiliária nas áreas de marketing, administração, comercialização, inovação tecnológica, urbanismo, soluções arquitetônicas, meio ambiente, decoração, design de anteriores, paisagismo, maquetes, artes, perspectivas e estande de vendas, entre os principais.

Os vencedores na categoria Empreendimentos “estarão automaticamente habilitados para concorrer ao Prix d´Excellence, a maior premiação internacional do setor, anualmente entregue no Congresso Mundial da Fiabci”, lembra Ricardo Yazbek, presidente da Fiabci Brasil. “Sempre recebemos preciosidades, daí porque este ano, resolvemos ressaltar a similaridade do prêmio com um diamante”, fala João Crestana, presidente do Sindicato da Habitação.

O Prêmio Master contempla de soluções simples às mais sofisticadas para o mercado. Foram exemplos dessa versatilidade em 2009, o projeto Parque dos Sonhos, primeiro bairro planejado da zona Leste de São Paulo, voltado para classes C e D, com “jeitão” de residencial de classe média (área de lazer etc).

Já a Mundi Resort Residencial, em Manaus/AM, também agradou os jurados ao utilizar um sofisticado equipamento multimídia para atrair interessados. Por isso, foi premiado na categoria “Profissionais – Marketing”. O equipamento incluia um simulador de voo que proporciona experiências sensoriais (vapor e aromas da floresta), desenvolvido sob a coordenação do marketing. Os clientes fizeram viagens virtuais pelos rios da Amazônia, pela cidade, pelo bairro do empreendimento e todos os seus atrativos.

Fonte: LicitaMais