Área restrita

Notícias

Índice que reajusta aluguel desacelera para 0,27% em fevereiro, diz FGV

Economia

O IGP-M (Índice Geral de Preços-Mercado), usado como referência para reajustar contratos de aluguel e energia elétrica, apresentou alta de 0,27% em fevereiro. Isso representa uma desaceleração em relação aos 0,76% de janeiro.

Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (26) pela FGV (Fundação Getúlio Vargas).

Em 12 meses, o IGP-M acumula alta de 3,86%. Isso significa que os contratos de aluguel com vencimento em fevereiro serão reajustados nesta proporção.

Índices de preços ao produtor e ao consumidor

A FGV informou, ainda, que o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), que mede a variação dos preços no atacado e responde por 60% do índice geral, teve leve queda de 0,09% em fevereiro, após avanço de 0,56% no mês anterior.

No IPA, os preços agropecuários registraram leve queda de 0,06%, após alta de 1,35% em janeiro. Entre as maiores influências negativas, a soja em grão acelerou a queda a 6,39% em fevereiro, após recuo de 0,74% no mês anterior.

Já o Índice de Preços ao Consumidor, com peso de 30% no IGP-M, avançou 1,14% neste mês, contra 1,35% em janeiro.

Neste caso, a FGV informou que a principal contribuição para o resultado partiu do grupo Alimentação, cuja alta desacelerou para 0,92% frente 1,66% em janeiro.

O destaque ficou para o item hortaliças e legumes, com avanço de 4,58% ante 13,68% no mês anterior.

A FGV informou, ainda, que o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) subiu 0,50% em fevereiro, após avanço de 0,7% em janeiro.