Área restrita

Notícias

Condomínios devem ter cuidado ao contratar funcionários

Condomínios devem ter cuidado ao contratar funcionários

Os equipamentos comuns de segurança, como câmeras, monitores e sequenciadores de imagens, não são suficientes para a segurança do condomínio, segundo o vice-presidente de Administração Imobiliária e Condomínios do Secovi-SP (Sindicato da Habitação), Hubert Gebara.

Para ele, os funcionários do condomínio podem ser um risco para os moradores, caso não seja contratados com os cuidados necessários.

De acordo com o Secovi, uma medida de cautela seria exigir e renovar o atestado de antecedentes criminais de candidatos para qualquer vaga, desde porteiro a zelador.

“Não basta pedir essa documentação só no ato da contratação do funcionário. O ideal é que o atestado de antecedentes seja renovado a cada seis ou 12 meses”, afirmou Gebara.

Precauções

Segundo o Secovi, o candidato à vaga no condomínio deve preencher, de próprio punho e com letra legível, uma ficha com os dados pessoais, incluindo o nome do pai, da mãe, data, ano e cidade onde nasceu, para evitar problemas com homônimos.

Além disso, devem ser solicitados documentos como atestado de antecedentes criminais, certidão negativa de cartório de protestos, certidão negativa do distribuidor Forense (Justiça criminal) e certidão negativa da Justiça do Trabalho.

Antes da contratação, deve se observar se o candidato se encaixa na função para qual ele se candidata. Também deve se buscar referências nos dois últimos empregos do candidato.

Quando o funcionário for contratado, o período de experiência deve ser de 45 dias, prorrogável por mais 45 dias, sendo que o salário deve ser compatível com o mercado, para evitar dupla jornada de trabalho.

Fonte: Infomoney