Área restrita

Notícias

Acessibilidade: seu condomínio tem?

Desde 2004 a lei da acessibilidade se aplica também aos condomínios: todos devem estar adaptados e promover o livre acesso à deficientes e pessoas com dificuldade de locomoção. Todos os acessos ao condomínio, incluindo áreas comuns, como piscina, salões de festa e de reunião, quadras, portarias, estacionamentos e garagem devem estar adaptados para facilitar o acesso dessas pessoas.

Segundo censo realizado pelo IBGE em 2000, 24,5 milhões de brasileiros tem algum tipo de deficiência, ou seja, 14,5% da população. Há ainda as pessoas com mobilidade reduzida, como os idosos ou casos temporários, como acidentes e imobilizações, por exemplo.

Na hora de adaptar o ambiente, porém, é preciso ter cuidado. Não basta um simples rampa, tudo deve estar dentro dos padrões estabelecidos pela norma técnica NBR 9050 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

Nas entradas e saídas, por exemplo, a superfície deve ser plana e antiderrapante para qualquer clima, além de ter no mínimo 1,20m de largura e não possuir obstáculos. Recomenda-se também o uso de piso tátil para indicar mudanças de plano ou obstáculos.

 

Fonte: SecoviPR